Quarta-feira, 20 de Abril de 2005

Microbiótico

Doem-me os olhos,


Quero fechá-los,


Quero ver nada…


 


Existe uma nudez absurda


Do ser, das almas.


Um micróbio patológico


Que mina sorrisos.


 


Quero cegar,


Não participar na ruína.


 


Doem-me os olhos.


 


Virgínia Pedras

publicado por semipoetisa às 17:05
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Ana Silva a 27 de Abril de 2005 às 13:21
Se alguém te perguntar o quiseste dizer com um poema, pergunta-lhe o que Deus quis dizer com este mundo... (Mário Quintana)

Tu realmente estás lá Gina, o teu talento é inegável, mas pronto isso tu já sabes,
fica bem amiga, bjs
De || sar!nha || a 23 de Abril de 2005 às 12:09
Ao ler o teu blog constatei k escreves mtt bem...O blog esta mtt lindo...n és semi, és mm uma poetisa...=)*kiss

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Tua

. Que o orvalho da noite

. Poema

. Nós

. Fantasia

. Inveja

. Saudade

. Pormenor

. Saudade

. Encantamento

.arquivos

. Julho 2008

. Janeiro 2006

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds